outra vez na estrada

a estrada ainda pareceu longa

ainda não consegui contar os quilômetros

ainda volto para onde não moro

 

porque o lugar onde moro é abstrato

é um gesto

um abraço

um sorriso

que significam muito mais que sua concretude

 

ainda espero a luz acesa quando chegar

ainda espero a luz abstrata quando chegar

porque a porta ainda está aberta

 

mas agora

há uma sutil diferença

há outra luz dentro de mim

há outra estrada dentro de mim

que podem tornar tudo mais puro

que podem tornar o que há de bom melhor

que podem exilar o que há de ruim

que podem findar a ignorância e o medo

 

e manter a porta aberta

para que haja para onde voltar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: